08 junho 2009

Alfabeto Cabo-verdiano

Alfabeto Cabo-verdiano começará ser divulgado em todo o país.
Aprovado em Janeiro de 2009, vai começar a ser divulgado em todo o país a partir de meados deste mês através dos órgãos de comunicação social, disse hoje fonte oficial na Cidade da Praia.
Segundo a linguista e directora do Departamento de Ciências Sociais e Humanas do Instituto de Investigação e do Património Culturais de Cabo Verde, Adelaide Lima, a divulgação enquadra-se no programa «Pa Le i Skrebe Lingua Kabuverdianu» (Para Ler e Escrever na Língua Cabo-Verdiana).
"Isto quer dizer - sublinha a porta-voz do Governo - que qualquer cidadão, da Brava do Fogo, de Santiago, do Maio, da Boa Vista, do Sal, de S. Nicolau, de S. Vicente e de S. Antão, poderá fazer uso deste alfabeto da língua cabo-verdiana, mas garantindo-se, sempre, o respeito pela sua variante: a variante de quem faz uso desse alfabeto para a escrita da língua cabo-verdiana."

A divulgação enquadra-se num projecto do Ministério da Cultura, desenvolvido pelo Departamento de Ciências Sociais e Humanas do Instituto da Investigação e do Património Culturais (IIPC), numa parceria com alguns órgãos de comunicação social do país.
Fonte: Diario Digital, http://www.governo.cv/

Sem comentários: